Como não engordar durante a quarentena

13/04/2020   Alimentação / Emagrecimento

Estar em casa tantas horas, sem saber o que fazer e rodeado de comida pode levar a que o seu peso comece a aumentar. Muitas pessoas já se queixam e o confinamento ainda está para durar. Se não quer chegar ao verão com mais 10 kg, comece por ler este artigo.

Não comprar é o melhor remédio

Evite comprar e ter em casa alimentos que engordam muito. Não ter em casa é a melhor solução quando não se consegue controlar.

 

Como controlar o que compra?

Para se controlar no supermercado e evitar “cair” no marketing das marcas, evite ir às compras com fome. Vá por exemplo após a almoço.

 

Evite doces, bolos, bolachas

Estes produtos contêm muito açúcar, farinha refinada e gordura saturada ou hidrogenada. Para além de destabilizar as bactérias que vivem no seu intestino podendo causar vários problemas de saúde, engordam imenso. A farinha e o açúcar serão transformados em gordura no seu corpo e se os ingerir todos os dias, o peso irá aumentar substancialmente.

 

Controle o pão, massa, arroz e batata

Estes alimentos, apesar de não conterem açúcar, exceto muitas marcas de pão, são muito ricos em amido. O amido é composto por moléculas de amilose e amilopectina que por sua vez são compostos por glicose. Ou seja, estes alimentos são muito ricos em glicose. E se ingerimos mais do que necessitamos, também serão transformados em gordura corporal.

Em geral, crianças, desportistas e trabalhadores que usam muito a força/resistência física podem ingerir mais sem engordar. Se é sedentário, procure soluções alimentares que evitem ingerir estes alimentos todos os dias.

 

Ingira mais saladas, sopa e verduras cozinhadas

Mas não deveríamos ingerir hidratos de carbono todos os dias? Bem, todas as verduras são também hidratos de carbono. Qualquer fruta, hortaliça ou leguminosa é rica em hidratos de carbono. Os hidratos de carbono são as unidades de construção das plantas, logo todas são fontes destes macronutrientes.

Comer cenouras, abóbora, courgette, alface, rúcula, tomate, brócolos e couves, cebola, feijão verde, beterraba, pimentos, quiabos e todas as outras verduras em vez de massa, arroz ou batata farão controlar ou perder peso com maior eficiência.

 

Mantenha-se ativo

O nosso corpo é uma maquina mas ao contrário dos motores dos carros não é feito de metal mas de células. Tal como outros motores, para ter os “depósitos” pouco cheios devemos gerir o que gastamos e o que ingerimos. Se ingere mais do que gasta vai guardar mais, ou seja, engordar mais. Então se está mais sedentário(a), corte nas refeições, quantidades e evite as fontes de amidos. Procure gastar mais do que come para que gaste o que tem acumulado(a)

 

Ocupe a sua mente para não pensar tanto em comer

A mente controla a ingestão alimentar. Vários centros cerebrais dos quais o hipotálamo é o mais importante gerem o apetite e saciedade fazendo que por vezes não temos qualquer apetite e outras vezes demasiado.

Se estivermos desocupados e entediados, o hipotálamo pode aumentar o apetite para obter prazer através da comida. Então é muito importante conhecermos bem o nosso cérebro. Por isso, o que funciona para uns não funciona para outros. Veja o que a(o) cativa(o) mais, fazer um puzzle, ler, escrever, montar ou desmontar algo, jardinagem, etc.

 

Beba infusões ou águas aromatizadas

Beber é sempre uma boa solução para evitar comer. Quando estiver ao computador, entretido em algum passatempo, tenha ao seu lado água, água aromatizada ou infusões sem acúcar. Ao manter o estômago cheio ajuda a ter menos fome

 

Aprenda a fazer receitas baixas em calorias

Existem imensas receitas saborosas e pouco calóricas. Aprender a cozinhar pratos apetitosos ajudará a comer me os vezes aquelas refeições super calóricas que sabem tão bem e engordam muito. Hoje existem receitas no youtube, internet, cursos de culinária que ajudam a mudar a sua lista de pratos de culinária.

 

Durma bem

Dormir é muito importante quando se fala de perder peso. Quando não dormimos bem, a leptina e a grelina que controlam a saciedade e apetite respectivamente no hipotálamo, ficam descontroladas podem levar a um aumento do peso.

Se não dorme bem, resolva rapidamente esta questão.

 

 

Em resumo, procure então dormir bem, manter o corpo e mente ativos, beba mais líquidos, aprenda a cozinhar pratos menos calóricos evitando alimentos ricos em amido e produtos alimentares açucarados. E mais importante, vá sempre ao supermercado de barriga cheia para estar mais imune à tentação.

 

Queres conhecer Soluções naturais para diminuir o peso e não ter fome? Vê as minhas sugestões no programa Grandes Manhãs do Porto Canal:

Soluções naturais para diminuir o peso e não ter fome